Bazar Pamplona (Crédito: divulgação)

A banda paulistana de indie rock Bazar Pamplona lançou em Janeiro seu novo álbum, Banda Vende Tudo. O disco, resultado de uma financiamento coletivo realizado pelo grupo em 2018, nasceu de um reencontro dos integrantes após praticamente seis anos de hiato.

Após a agitar a cena underground de SP por volta de 2007, com dois discos lançado e vários shows abarrotados de gente, em 2012 o grupo entrou numa pausa sem prazo de validade. Na incerteza de um possível fim, os fãs foram surpreendidos em 2017, quando a banda recebeu um pedido da escritora e cineasta alemã Helene Hegemann para usar uma das canções do Bazar na trilha sonora do filme Axolotl Overkill, premiado no Festival Sundance (EUA/2017).

Esse acontecimento fez com que os amigos Estêvão Bertoni (letras, vocal e guitarra), João Victor dos Santos (guitarra), Rodrigo Caldas (bateria), Rafael Capanema (baixo e teclado) e Pinguim Miranda (teclado e baixo) voltassem a se encontrar para ensaios e composições. Naturalmente, veio daí a vontade de fazer um disco, e com ela a campanha de financiamento coletivo para a produção de Banda Vende Tudo.

“A gente pensou em Banda Vende Tudo por causa da ideia de ‘Família Vende Tudo’, aqueles bazares em que as famílias colocam tudo o que têm à venda, se desfazem de todos os bens, deixam tudo pra trás porque estão de mudança para recomeçar a vida em outro lugar”, explica Bertoni sobre o nome do trabalho. “Como a gente não lança disco desde 2012, a ideia é de recomeço da banda mesmo”.

De acordo com o comunicado de imprensa do grupo, a sonoridade do novo trabalho retoma uma variedade de referências do Bazar, como MPB, folk, indie rock, agora somadas a texturas modernas, divertidamente combinadas ao melhor estilo da banda. “Ouvimos coisas em comum, como Caetano, Gil, Os Mutantes. De fora, acho que é Wilco e Radiohead, mas a gente sempre ouviu muito Beatles também”, completa o vocalista.

Ouça o disco completo abaixo: